A Bíblia nos revela Deus e a sua vontade. Quanto mais nos aproximamos do conteúdo bíblico, mais tomamos consciência do quanto o Senhor é todo poderoso e nós frágeis e necessitados. Esquecer-se disso é sem dúvida alguma nocivo e, porque não dizer trágico.

Em que a nossa devocionalidade a Deus pode exercer algum tipo de influência em nosso autocuidado? Se partirmos do pressuposto que fomos criados por Deus e somos mantidos por Ele, obviamente tudo tem a ver com autocuidado. Um clássico exemplo é a obediência aos seus mandamentos. Por serem mandamentos perfeitos e restaurarem a alma, nossa submissão a eles é fonte de bem estar e saúde (Salmos 19.7).

Baseado na certeza de que devocionalidade produz autocuidado, eu quero te dar três conselhos:

  1. O primeiro tem a ver com uma leitura regular da Bíblia observando mais os indicativos do que os imperativos. Cada dia mais eu me preocupo com quem só lê a Bíblia em busca de saber o que fazer ou não em relação a sua própria vida. Para essas pessoas Jesus é apenas um coach motivacional. Eles não conseguem perceber que antes de Deus dizer o que eles tem que fazer Ele diz o que Ele já fez. Os dez mandamentos são um bom exemplo disso. Deus lhes informa que os tirou do Egito da casa da servidão antes de ordenar que o obedeçam. Este é um dos inúmeros exemplos onde os indicativos vem antes dos imperativos, afim de deixar claro que o que Deus faz sempre vem antes de suas ordens afim de que façamos algo.
  2. Em segundo, é para você deixar a Bíblia moldar sua mente. Precisamos levar a sério as palavras de Paulo quando ele orienta os irmãos de Roma a não se deixarem moldar pelos valores do mundo. O apóstolo sabia que nossos pés se dirigem exatamente para onde nossos corações creem. A crença é responsável pelo tom dos pensamentos e não o contrário. Não é por acaso que Deus nos dá um novo coração antes de nos dar uma nova vida. Renove a sua mente escondendo a Palavra de Deus em seu coração (Salmos 119.11).
  3. Em terceiro e último lugar, eu o convido a observar os inúmeros exemplos disponibilizados na revelação de Deus e seus finais. Alguém já disse que os inteligentes aprendem com os próprios erros e os sábios aprendem com o exemplo dos outros. Se você está pensando em adulterar, a Bíblia vai lhe fornecer inúmeros exemplos de tragédias pós-adultério. Se você está pensando em desprezar os seus irmãos e trilhar seu próprio caminho também encontrará registros diversos nas escrituras.

“…pois também Cristo padeceu por nós, deixando-nos o exemplo, para que sigais – 1 Pedro 2:21

Além de exemplos diversos temos o próprio Cristo nos servindo de exemplo. Observe que Ele nos deixou o exemplo. A sua capacidade de suportar todas as provas se dava essencialmente por sua plena confiança no amor eterno do Pai. Que essa mesma verdade encontre- se continuamente ancorada em nossos corações. Na certeza que quanto maior a nossa devocionalidade maior será o nosso autocuidado. Afinal somos seu povo a quem Ele guia como seu próprio rebanho (Salmos 77.20).

 

Conheça nossa escola de Autocuidado!

Corri feito louco
Xingando te de doido

“Como podes errar comigo assim.
Deus onde estavas quando me xingaram de macaco?
Ou que sou nego fedido
Um bandido?”
“Será que sou? Será que errastes comigo assim?
Há de fato maldição sobre mim?”

Achava que sim.
Negro sou
Gritei:

“Será que poderia
me embranquecer?”

Até que ouvi o eterno me dizer do meio de uma tempestade:

“Louco. Homem louco.
Como podes achar isto.
Achas que sou um otario?
Que erra e faz de novo?
Não seu louco.
Se tu és negro
É porque o quis assim”.

“Não se lembras meninin?
Eu que te fiz. Lestes na bíblia
tudo foi feito por mim.
Pra mim
Inclusive você.”

“Fui eu que enrolei teu cabelo
Com meus grossos dedos.
Fui eu que os encrespei.”
“Os pássaros, eles avoaçaram e fizeram morada no ninho dos teus cachos.”

“Mergulhei um pincel num pote de melanina e chapei na tela.”
“Ficou todo melaninado.”
“E eu modelei tua boca deste jeito.
Pra cantar em Yoruba.”

“Não menino. Não errei com você.
Eu te fiz assim.
E tudo que eu fiz
É bom.”

Depois disso cai em mim
Percebi q o eterno me fez assim.
E diante disso me calei.
E O louvei
O meu Deus que me fez
PRETO.